VERÃO 2014

May 6th, 2014

Começo de ano muito bom!!!

Este ano de 2014 começou no mesmo ritmo que terminou o de 2013. Muita festa e muita coisa boa ocorrendo. A sensação é de que este ano colherei muita coisa boa que plantei nos últimos anos.

Logo em fevereiro, fomos comemorar o niver do Helinho Calfat num belíssimo restaurante na Vila Nova Conceição, em SP. Comida excepcional e uma galera bem bacana. Também foi bom, pois pude encontrar os amigos Caco Ricci e Amanda Françoso.

 

20140214_191136

Caco Ricci, Amanda Françoso, Helinho Calfat, eu e Lauren

 

Começo de março foi hora de pular Carnaval. Na sexta, fomos ao camarote da Devassa, em SP, onde fomos muito bem recebidos. Sábado, juntamos a patota. A convite do Rodrigo Thiré, fomos à Brahma, em SP também. Lá, encontrei com o Max e a Ariane, assim como com a Lia com o namorado e com o ex-bbb 14 Vavá. Foi tanta diversão que eu e o Max até acertamos um duelo… kkkk #SQN

 

20140228_225439

Eu, na festa da Devassa

 

20140302_001138

Eu, Lauren, Max e Ariane na festa da Brahma

 

20140302_011428

O Duelo: Ralf X Max

 

Logo após o Carnaval, fomos, a convite do queridíssimo Augusto Girotto, para um passeio de 3 dias de navio pela costa brasileira. O navio é o maior e mais moderno que faz a nossa costa. Um verdadeiro monstro. Na primeira noite, já entramos no clima de festa na Festa do Branco.

 

20140308_134429

Entrada do navio

 

20140309_013702

 Festa do Branco com os casais Dani e Fernando e Andrea e Binni

 

IMG_20140308_140845

Foto da cabine

 

IMG_20140309_110547

Eu, na cabine, com o mar de Porto Belo ao fundo

 

Na festa a fantasia, encarnamos o príncipe e a Cinderella. Augusto e Sonia foram de rockeiros. Os dois sempre numa vibe muito positiva.

 

20140310_002724

O príncipe e a Cinderella

 

20140310_024259

Augusto e Sonia

 

Na noite final, aconteceu a Festa Neon! Estive ao lado do Augusto, do eterno ex-bbb7 Alberto Cowboy e da Sonia, que estava de peruca rosa.

 

20140311_015902

Eu com Augusto e  Alberto Cowboy

 

20140311_020225

Eu e Sonia

 

Toda a viagem foi impecável e a turma era bacana demais!!!!

 

Fim do mês foi momento de ir a Ilha Bela, no litoral paulista, pra comemorar o casamento do meu grande amigo Fernando Brecheret, do qual vou ficar devendo a foto. Sabem como é, noivo e noiva são muito requisitados durante a festa….kkkk

 

Fiquei hospedado na Pousada Solar Singuitta. Que visual. Acho que as fotos dizem por si, mas vale a pena pontuar. Chama pousada, mas está mais pra Hotel Boutique. Quartos com varandas exclusivas de frente pro mar, café da manha incrível, piscina, spa e tudo mais.

 

IMG_20140329_093110

Varanda com Vista pro Mar

 

20140329_135018

Lauren na Piscina da Pousada

 

Foi show encontrar meus amigos das antigas no casamento. Na foto, eu com Denis Mitre, Pedro Carneiro e Luis Gui, após roubarmos algumas cervejas!!! kkk E, na outra foto, nós e acompanhados da Lauren e da Camila, que é mulher do Denis. Turma boa reunida e muitas risadas!!!!

 

20140329_174601

Eu com Denis Mitre, Pedro Carneiro e Luis Gui

 

20140329_181424

Nós com Lauren e Camila

ESCÓCIA E AMSTERDAM

April 8th, 2014

Escócia e Amsterdam valem muito a pena!!

 

Estando na Inglaterra é quase proibitivo não ir até a Escócia. Pelo menos, é assim que eu pensava. Quando era mais novo, tinha adoração por malte whiskys escoceses e fiz muitos planos pra visitar as destilarias das highlands e lowlands. O tempo passou e a viagem não aconteceu, mas agora chegou a minha hora!! kkk Pegamos um trem em Londres de 5 horas até Glasgow. Entre leituras e admiração da paisagem, nem vimos o tempo passar. Viajamos num trem da Virgin. Show! Limpo, rápido e com bom serviço. Acho que vale muito mais que ir de avião.

 

20140102_053903
No trem da Virgin de Londres para Glasgow

 

Chegando lá, fomos recebidos pelos amigos Alan Toner e sua esposa Sharon. Gente boníssima estes dois! Alan nos levou para conhecer a destilaria Famous Grouse, bem conhecida de nós brasileiros. Ver todo o processo e fazer as degustações foi algo que me deixou quite com meu passado.

 

20140102_130421
Visitando a Destilaria Famous Grouse

 

20140102_144956
Degustando vários maltes da casa

 

Dia seguinte, fomos numa excursão às highlands. No topo do inverno, isso significa passar muito frio. Lugar meio inóspito, mas que guarda o berço das mais famosas destilarias e do famoso lago Ness (isso mesmo, aquele do monstro que vivia escondido no lago escuro). Posso dizer que procurei, investiguei, mas nada do monstro. Mas o lago e seus arredores, como o forte que visitamos, valem a pena. São nestas montanhas também que se travaram as batalhas vivenciadas no filme Coração Valente, estrelado pelo Mel Gibson.

 

SAMSUNG CAMERA PICTURES
Nas highlands, no lugar onde foram travadas as batalhas retratadas no filme Coração Valente

 

SAMSUNG CAMERA PICTURES
Visitando o forte às margens do Lago Ness

 

SAMSUNG CAMERA PICTURES
Outra vista do Lago dentro de sua enormidade e escuridão

 

Uma coisa define bem a Escócia: gelada, mas impecável. Os lugares são limpos, as gramas,  pastos e fazendas arrumados. Tudo muito bem cuidado e de muito bom gosto. Gostei muito do lugar e valeria a pena voltar no verão pra ficar pelo menos uns 10 dias viajando pelo país.

 

SAMSUNG CAMERA PICTURES
Hora de ir baladear em Glasgow em companhia da Lauren, Alan e Sharon. Estes são parceiros!!

 

Da Escócia, fomos para Amsterdam. Última parada antes de voltar pra casa…

 

20140105_144300
Chegada ao charmoso aeroporto de Amsterdam

 

Em Amsterdam, é hora de largar o carro e ficar a pé ou de bike. Cidade plana e o centro, onde rola a história e a maioria das atrações, não é muito extenso. Extensa é a história e a cultura que rondam este lugar. Além disso, no meio de casarões, igrejas e monumentos tradicionais e sérios surgem prédios modernos e de arquitetura vanguardista. Os canais são outro charme,mesmo que agora no inverno não estejam decorados por flores.

 

20140106_161324
Vista de um dos canais no Centro no fim de tarde

 

20140106_170810
Escultura moderna na frente da tradicional Central Station

 

20140106_170929
Eu e Lauren na frente da Estação Central

 

Sempre, entre ir de um lugar ao outro, acaba-se passando pelo famoso Red Light District ou distrito da luz vermelha. Não precisa ser muito criativo pra saber do que estamos falando. Em Amsterdam, tem duas coisas bem moderninhas. Lá, pode-se entrar num bar e fumar maconha ou experimentar alguns tipos de cogumelos que geram diferentes tipos de viagem mental….kkk. Outra coisa é a prostituição. Lá é liberado e as moças ficam no distrito da luz vermelha, onde aparecem em vitrines de bikini ou roupas íntimas e chamam seus clientes que ficam passando pela rua. Quem se interessar, negocia ali o serviço e entra no quartinho. Simples e seguro para ambos os lados. Agora, se é limpo ou se o trabalho é bem feito não posso dizer a vocês, pois, como podem ver pelas fotos, eu ando muito bem acompanhado. Interessante também é que esse ponto não fica escondido ou isolado na cidade. Fica no meio do centrinho e, portanto, tem famílias passando, casais, etc. Tudo numa boa, sem baixaria.

 

20140107_191600
Às minhas costas, as vitrines com luz vermelha no Red Light District

 

Estando em Amsterdam, duas coisas não podem passar, e estas são mais importantes que fumar maconha ou passar pela Red Light: ir ver as obras de arte pintadas pelos famosíssimos e incríveis holandeses Van Gogh e Rembrandt. O primeiro tem um museu apenas pra ele e vale muito a pena ir visitar. O segundo, eu fui visitar uma exposição com réplicas de toda sua obra. Mas ele tem algumas de suas peças originais expostas no mais importante museu da holanda, o Rijks Museum.

 

20140106_174801
Minha favorita de Rembrandt

 

20140106_175201
Outro quadro impressionante de Rembrandt

 

20140107_122504
Prédio futurista ao lado do Museu do Van Gogh

 

20140107_124844
Um dos famosos auto retratos de Van Gogh

 

20140107_131810
Meu favorito do Van Gogh

 

20140107_131926
No detalhe, o estilo e técnica de pintura

 

Essa cidade vale muito a pena também!!! Espero que gostem das fotos. Ah, pra decepção dos meninos, é proibido tirar fotos das garotas no Red Light. Se tentar, dá briga… kkk

LONDRES

February 14th, 2014

Visita a Londres à maneira londrina

Este ano, fui passar o Natal e o Ano Novo na terra da minha mulher. Fazia 2 anos que a Lauren não passava o fim de ano com a família dela e, por isso, estava ansiosa, assim como toda a sua família.
Ela fez questão de me apresentar Londres pelos olhos de um londrino e lá fomos nós para a terra da chuva. Como sou de SP, dizer que outro lugar é a terra da chuva parece brincadeira, mas fui lá checar pra comparar. kkk
Não vou ficar enrolando vocês: O lugar é fantástico. Na verdade, como todo lugar muito famoso, tem cartão postal para todo lado. As fotos explicam mais do que palavras, então, separei algumas:

 

Vista do Rio Tamisa e dos modernos prédio do Centro

 

Tower Bridge – Talvez , um dos locais mais marcantes em filmes, fotos e, é claro, ao vivo. É possível visitar seu interior. Nada de super especial, mas é bacana.

 

Outra vista do Tamisa na região de London Bridge. À esquerda, vocês podem ver o Shard, prédio mais alto de Londres. Ele também é aberto à visitação e de lá há uma vista panorâmica da cidade. O preço é bem salgado, algo em torno de R$280 por pessoa, e tem que reservar antes , pois, na hora, há o risco de não ter mais vaga.

 

Eu usei essa foto para economizar na postagem, pois ela tem o Big Ben à frente e, ao fundo, o London Eye, uma imensa roda gigante que não tem absolutamente nada a ver com o que conhecemos aqui no Brasil por roda gigante. No lugar das cadeirinhas, ela tem algo que lembra o bondinho do Pão de Açúcar. Agora imagine uns trinta bondinhos presos a uma roda gigante e você entenderá o tamanho deste negócio…kkkk

 

Dentro da cabine da Roda Gigante London Eye. Cabem umas 20 pessoas em cada cabine e leva 30 minutos para dar uma volta completa. Excelente passeio, pois dá pra ver grande parte dos cartões postais da cidade.

 

Se você vai a Londres, você também pode fazer diversas coisas além de visitar os monumentos históricos. Por exemplo:

 

Patinar no gelo. Aí estou eu patinando, em Somerset House, com a Evie, sobrinha da Lauren.

 

Se quiser fazer pose pra foto, acho que ninguém se importa!! kkkk

 

Tá com fome? Vá ao Borough Market. Ele é tipo um mercadão aqui de São Paulo, só que muito melhor. Que me desculpem os paulistanos, mas ir até este mercado abriria a cabeça de muito empresário por aqui: comidas, temperos, doces, pães, carnes, defumados, salsichas, queijos e mais trocentas coisas vindas diretamente dos produtores, em versões especiais e com preços bacanas. Uma perdição para o estômago!

 

Eu mandei dois hot dogs feitos com pão caseiro (tipo Ciabata), salsichas especiais – uma defumada e outra de vitela, aquela branca alemã (Bratwurst) - e mostarda inglesa forte. Puts, um desbunde! Só de escrever já me deu vontade de comer. Imperdível !

 

Tá com sede?? Vá a um dos inúmeros pubs e se perca na hora de escolher uma das muitas cervejas disponíveis. Mas, se não quiser errar, escolha uma Guiness. Pros brasileiros que reclamavam de cerveja quente, agora tem Guiness Extra Cold. É só pedir, vem do jeitinho brasileiro.

 

E, se estiver afim de matar a saudade do pessoal do Brasil, faça com estilo usando umas das famosas cabines de telefone londrinas. Eu. obviamente, estava só fingindo, pois não tinha pra quem ligar…. kkk

 

E, por fim, introduzirei a família da Lauren, mais conhecida como família Hurley:

 

Papai Harry Hurley com 2.05m de altura e 120kgs. Melhor não aprontar com a Lauren…. kkk

 

A loira é minha sogra, mulher do Harry, de peruca loira nos embalos do karaokê com a amiga. Eu estava de John Travolta, em Grease –  Nos Tempos da Brilhantina…. kkkk

 

Sendo aterrorizado pelas sobrinhas Lois e Evie.

 

Na véspera de Natal, peregrinando de bar em bar acompanhado pelo casal Stewart e Angela e, à minha direita, pelo irmão da Lauren, que também se chama Harry e que tem 2.06m de altura. Como podem ver,  fiquei anão ao lado dele… kkk

 

Mais um shot para distrair a equipe!!!

 

Depois dos shots, até me arrisquei a dançar com o Stewart…. kkkkkk

 

Jantando  no melhor restaurante de carne de Londres.  Falo que é o melhor, pois é impossível ser melhor que isso. Se quiserem o nome, perguntem depois, pois agora não lembro…kkkk Ao meu lado, nossa irmãzinha Georgia, que está grávida do Rick, que, na verdade, é Ricardo (descendente de Italianos), mas, como eles não conseguem falar direito, virou Rick mesmo. Agradeço até hoje pelo convite, pois este jantar valeu muito a pena!!

 

Por fim, vovô e vovó, Don e Margret. Estes dois estão de bem com a vida. Me fizeram companhia na cerveja, na conversa, na comida. Dois figuras cheios de histórias pra contar e muito amorosos com toda a família.

PROVAS EM DEZEMBRO DE 2013

January 28th, 2014

Dá-lhe provas!!! Fim de ano com chave de ouro!!

Dezembro me deu um “5 minutos” e resolvi ter uma overdose de provas curtas. Me inscrevi em quatro, uma por fim de semana, e os resultados foram bem bacanas!!

A primeira foi a Prova Zumbi dos Palmares: 10km de corrida na região do parque do Ibirapuera em direção à Av. 23 de Maio. Quem conhece a região sabe que na 23 é um sobe e desce danado. Eu estava treinado pra uma prova pra 40 minutos no plano. Com as subidas, talvez 41 ou 42. Mas a temperatura ajudou: frio e chuvinha. Como podem ver nas fotos, eu estava rápido e assim fechei pra 40min e 47 segundos. Muito bom.

Correndo forte na Zumbi dos Palmares: 10km em 40min47s

Na sequência, fui fazer uma prova que nunca havia feito, a SP Open de Biathlon, com natação de 750m no mar e 5km de corrida. Um ritmo que só vendo… Coração na boca o tempo todo! Larguei para uma natação rápida, mas senti um pouco o ritmo no meio do percurso. Por ser muito curto, saí muito forte (talvez um pouco mais que deveria)…kkkk. Saí pra correr em quinto na categoria. Os primeiros 2 km foram de matar, mas aos poucos fui acertando o ritmo e, nos 200 metros finais, abri um sprint pra fechar em segundo( a foto mostra exatamente este instante). Pódio com o segundo lugar e uma imensa alegria. Acho que dá pra perceber pela foto…kkk.

Sprint Final no SP Open de Biathlon 

Alegria no pódio com o segundo lugar do Biathlon

Do Biathlon, fui pra uma prova ainda mais curta: Night Run, em SP (5km no plano). Pano pra manga! Nesta prova, em 2011, fiz meu melhor tempo pra distância: 18min e 36 seg. Mas, na época, eu estava mais forte e focado em provas curtas. Agora, eu queria pelo menos chegar na casa dos 18, mas sabia que seria muito difícil. Larguei forte e segui forte até o fim. Posso dizer que eu já estava vendo estrelinhas desde o km 3. Ao terminar, eu parecia um peão rodopiando pra não cair. Resultado: 18min e 57 segundos. Quem corre sabe o que estes 3 segundos abaixo de 19min significam.

Eu e a Lauren na Night Run, em SP:  5km em 18min57s

Por fim, a última prova do ano, o Troféu Brasil de Triathlon, que já fiz muitas vezes. Mas, desta vez, ao invés da distância olímpica, optei pelo short, que é metade da distância. Prova de muita explosão e força. Larguei na natação e sai da aguá na décima posição. Com o segundo ciclismo mais rápido, passei para 5o lugar, mas, na corrida, fui ultrapassado por dois concorrentes e terminei em sétimo. Não posso reclamar. A prova estava com altíssimo índice técnico, com competidores muito fortes. Admito que gostaria de fechar o ano com um pódio, mas não dá pra se ter tudo o que quer nesta vida!!

Saindo do mar no Troféu Brasil

No ciclismo do Troféu Brasil: Segundo melhor tempo da etapa

Correndo para fechar a prova

Chegada: 1h6 min. Meu melhor tempo na distância!

Obrigado aos apoiadores que estiveram comigo durante todo este ano: Mynd (Roupas Esportivas), Fast Runner (www.fastrunner.com.br), Run&Fun Assessoria e Probiótica!

MIAMI E LOS ANGELES

January 16th, 2014

Melhor Meio Ironman da Minha Vida

Com esta manchete, vocês podem imaginar o quanto feliz foi esta minha viagem à Miami. Fui pra fazer minha terceira prova internacional e segunda nesta cidade. Desta vez, um meio Ironman, prova que consiste em 1.9 km de natação, 90 km de ciclismo e 21 km de corrida. Esta é uma prova que os amadores de elite pensam: meu objetivo é fazer em menos de 5 horas. Mas cada prova é uma história! Se você pega um mar com correnteza na natação, um vento contra no ciclismo ou muito calor na corrida, os objetivos de tempo caem por terra e entra o modo de sobrevivência, então o único objetivo é conseguir terminar a prova.

Na largada

Mas desta vez, as condições estavam favoráveis a uma prova rápida e o corpo respondeu à oportunidade. Fiz uma natação razoável em 33 min. No ciclismo, aproveitei as condições e fiz 2 Horas e 31 min (35.5 km/h de média), cerca de 4 minutos abaixo do programado. Na corrida, comecei com receio de que o pedal forte pudesse comprometer, mas aos poucos as pernas foram relaxando e fechei em 1 hora e 41, 4 minutos abaixo do programado. Resultado final: 4H50M50S, ou seja, cerca de 10 minutos abaixo da marca. Excelente e realizador!!

Final do ciclismo, já com o pé fora das sapatilhas

Correndo pra fechar a prova

Foto após a chegada: Exausto, mas muito feliz

Tempo no relógio marcou 4:51, mas o oficial foi 4:50

Nas fotos, faço questão de destacar meu parceiro de pedal na prova e amigo Fernando Asdourian; o fisioterapeuta David Homsi, que sempre dá uma mão nas provas e está ali pro que der e vier; e, é claro, minha mulher, que não se importa de acordar 5 da manhã, carregar tralha, ficar de baixo do sol e ainda tirar umas fotos pra mim…kkkk

Com Lauren aguardando para largar

Ao lado do Fernando Asdourian (amarelo) e David Homsi, ainda no amanhecer antes da prova


Los Angeles: Uma Cidade que Fica na Cabeça

Depois de deixar Miami, atravessei os EUA pra outra costa, até LA. Fazia muitos anos que eu ensaiava de ir pra lá. E agora foi a chance. Fui visitar as empresas Milani Cosmetics Inc e ORLY Nails Inc. Foram reuniões de negócios, mas deu para juntar o útil ao agradável. Resolvi ficar em Santa Monica e aproveitar pra visitar um point que está na cabeça de todos nós após tantos filmes de Hollywood. Acho que as fotos dizem por si só.

Pier de Santa Monica: Route 66

Eu de frente pro mar de Santa Monica

Pier

Santa Monica